O dia que eu vi a Meryl ao vivo

terça-feira, 28 de julho de 2009

Gente, desculpa a demora pra contar as novidades, principalmente da ultima novidade que eh sensacional, como diria meu avo Barao.

Entao vamos la, tenho muitas coisas pra contar mas hoje meu post sera sobre a Meryl. Antes de tudo ja vou avisando que infelizmente nao consegui falar com ela nem tirei foto. Como o evento era fechado e realizado pelo The New York Times, eles mantem os direitos sobre as imagens e nao permitiram fotos. Mas uma mulher que estava na area reservada e escreve para um blog conseguiu tirar umas fotos assim que a entrevista acabou e roubei as fotos rsrs. Enfim, vamos ao que interessa.

No sabado, acordei 6:30 e sai de casa por volta das 7:05. Abasteci o carro e fui direto pra Shady Grove, onde estacionei o carro e segui em direcao a DC e de la peguei o onibus para NYC. O onibus saiu as 9:05 e tinha previsao para chegar em NYC as 13:30. Bom, previsao mesmo, porque nao foi o que aconteceu. Um pouco antes de entrarmos no estado de New Jersey o trafego ficou horrivel, e atrasou tudo. Sao inumeros pedagios daqui ate NYC, uma loucura, e isso forma uma fila de carros imensa. Sei que quando estavamos pra cruzar Lincoln Brigde, que faz divisa com New Jersey e New York City eu ja estava aflita porque era 2:30 e eu podia ver Manhattan de la da ponte, mas tava tudo parado por causa de outro bendito pedagio.

Eu morrendo de fome, porque nao tomei cafe com medo de enjoar, e no onibus eu tinha umas batatas chips que nao matou minha fome. Mas enfim cheguei a NYC e fui direto para o albergue, larguei minhas coisas no quarto e fui procurar uma coisa pra comer. Voltei correndo pra tomar banho e me arrumar, pois isso ja era quase 17:00 e o evento comecaria as 19:00.

Nesse meio tempo conheci 2 brasileiras que estavam no mesmo quarto que eu rsrsr. Que encontrar brasileiro? Vai para NYC que vc encontra rsrsr. Mas entao, ja estava nervosa, porque meu plano era ter chegado em NYC as 13:30 e ir para o teatro bem cedo para pegar um bom lugar. Mas com o atraso do onibus isso nao foi possivel.

Sai do albergue eque fica na 51st street era 18:07 e fui a pe ate o teatro que fica na 41st street. Cheguei la por volta de 18:20 e ja tinha uma fila imensa. Ja pensei: "vai ser dificil conseguir um lugar na frente agora". Menos de 5 minutos apos eu chegar eles liberam para que, em fila, as pessoas fossem entrando no teatro.
Eu sei que eu corri o mais rapido permitido rsrs, porque todo mundo ali era bem chique e nao queria pagar mico, e cheguei a "primeira" fileira que estava praticamente cheia. Vi um lugar vago e perguntei se tinha alguem ali e o senhor disse que sim, logo depois tinha outro, mas tambem estava sendo guardado. Ai olho e vejo um lugar no meio da fileira, que fica bem centralizado com o palco.
Tinha uma moca loira ao lado, e perguntei se estava vago ela disse que sim, so que ela nao quis sentar porque tinha 3 cameras na frente. Mas peguei o lugar assim mesmo.

Detalhe: essa nao era realmente a primeira fila, tinha 3 filas na minha frente onde os lugares diziam RESERVADOS, e logo apos e a terceira fila tinha um espaco maior e ai sim vinha minha fila. Na fila da minha frente, bem na minha direcao tinha 3 cameras gigantes, mas entre uma e outra tinha espaco suficiente para enxergar bem o palco, e me dei conta que era bem perto do palco, mal pude acreditar que veria a Meryl assim tao de perto. Fiz amizade com a menina do meu lado, que se chama Julie, e tambem fa da Meryl, ha muito mais tempo que eu. Conversamos, "trocamos figurinhas" rsrs ai olhei de novo pro palco. La ja estavam 4 cadeiras, e uma mesa com umas 15 garrafas de agua e alguns copos.

Uma das cadeiras, a segunda da direita para esquerdam ficava bem na minha direcao, uma linha reta perfeita, e sem duvida era a cadeira que tinha a melhor visao. Nesse momento eu pedi pra Deus fazer a Meryl sentar ali, porque se ela sentasse em alguma das extremidades as cameras tampariam minha visao.

As luzes se apagaram, e meu coracao gelou. Uma senhora entrou e falou num pupito brevemente a respeito do evento, dizendo que os tickets se esgotaram em tempo recorde. Entao ela apresentou a entrevistadora da noite Alex Witchel, e logo em seguida disse: ladies and gentlemen, Nora Ephron, Meryl Streep and Stanley Tucci, e eles entraram tudo nessa ordem.

O mundo parou nessa hora pra mim. Quando a Meryl entrou com aquele sorriso dela de quando ta um pouco timida, eu nao enxeguei mais nada. Ela estava linda, (como sempre) com uma blusa branca, calca preta, maquiagem bem leve, salto bem alto, cabelo solto e segurando o oculos de grau rsrsrs .

Eu sei que o publico foi ao delirio, comecaram a bater palma, e eu fazia tudo que eles faziam automaticamente, mas nao conseguia tirar os olhos dela. quando vi todo mundo tava de pe, ovacionando, ai eu levantei correndo tambem, mas nao conseguia tirar os olhos dela. Ai sentei, mas eu nao ouvia nada, como se o som tivesse ido embora, meus ouvidos nao funcionavam. A Alex comecou a fazer uma pergunta para a Nora, mas eu nem ouvi o que foi porque so olhava para Meryl, ela sentada, tao linda, e na minha direcao. Sim, people, ela sentou na cadeira que eu queria, e ficou na minha direcao.

Pus a mao no meu peito, meu coracao parecia que ia pular pra fora, mas aos poucos eu fui me acalmando e foi entao que a mulher fez a primeira pergunta para a Meryl, e ela comecou a falar. A essa altura eu pensava: Meu Deus, isso ta mesmo acontecendo?? A Meryl ta mesmo aqui na minha frente?? Entao a Meryl comecou a falar como ela se preparou para ser Julia Child, no filme Julie&Julia, que estreia dia 7 de agosto aqui. A Meryl comeca um pouco timida, ate meio seria, ai menos de 2 minutos depois ja comeca a fazer piada e se soltar.

A entrevistadora pediu para eles contarem sobre a visita que eles fizeram recentemente a Casa Branca. Segundo Meryl, a Michelle Obama veio em direcao dela e disse " I Love You!" ai a Meryl disse para o publico " And I peed a little" que traduz para "E eu fiz um pouco de xixi" kkkk. O publico inteiro morreu de rir. Logo depois o Stanley disse que a Michelle e muito bonita e elegante e tal, entao a Meryl interrompe ele e diz " Eu sei, meu marido deu 3 beijos nela, quando ele a beijou pela segunda vez eu pensei: Oh My God, ele vai a beijar pela a terceira vez" e tudo mundo riu de novo.

Sei que podia ficar aqui contando palavra por palavra que ela disse, mas ai esse post seria um jornal, pois a entrevista durou 1 hora e meia.

Mas teve uma hora que a Meryl olhou para mim, e fizemos contato visual rsrs, nao teve ter durado nem um milesimo de um segundo, mas valeu rsrsrs. O Stanley Tucci olhou para mim diversas vezes, sabe quando seus olhos sempre encontra com da outra pessoa? Isso aconteceu comigo e com ele, ai ele deu ate um sorrisinho para mim.

Quase no final eles deixaram o publico fazer perguntas, ai vc tinha que ir ate o microfone e perguntar. Teve alguns momentos toscos rsrs, de umas meninas adolescentes que pensam que sao fa da Meryl, mas a descobriu depois de MAMA MIA! e O Diabo..., mas nunca viram A Escolha de Sofia ou Kramer, ou Silkwood ou Out of Africa. Eu nao quis fazer pergunta nenhuma porque sei por experiencia que quando estou nervosa meu ingles fica pessimo, nao sei nada com nada e a pronuncia fica horrivel, entao preferi nao pagar esse mico. E alem de tudo, eu praticamente sei tudo sobre a Meryl, nao sei nem o que eu perguntaria. De todas as historias que ela contou eu conhecia quase todas, de tanta entrevista que ja assisti dela. Mas ouvi-las ao vivo tem um sabor diferente.

Entao a entrevista chegou ao final, eles levantaram fizeram uma pose para tirar foto para a imprensa e logo depois foram para atras do palco. Ainda conseguia ver um pedaco do rosto e do cabelo dela cumprimentando alguem atras da porta na lateral do teatro, mas os segurancas vieram e fecharam essa porta e nao a vi mais.

Eu a Julie fomos ficamos na porta do Times Center ate fecharem, tinha um dois carros la fora com os motoristas esperando por alguem. A gente pensou que podia ser a Meryl, entao esperamos. Um cara do teatro saiu e disse meio enxotando a gente "She left". Mais a gente esperou mais um pouco e tinha o grupinho das adolescentes esperando tambem e mais algumas outras pessoas. Tudo mulheres kkkk.

Fiquei triste porque percebi que nao tinha mesmo jeito de ver e falar com a Meryl tirar foto e nada. Mas faria tudo de novo, valeu muito a pena estar no mesmo lugar que a Meryl mesmo que por menos de 2 horas. E nunca vou esquecer dessa noite. 25 de julho de 2009 vai entrar para minha historia.

E nao desisti nao, como ainda ficarei mais 1 ano por aqui, tenho chance de ir em outro evento ou estreia de filme, alguma outra coisa. Bom seria se eu morasse bem perto de NYC, ai minhas chances seriam maiores. So sei que um dia eu vou conhece-la. Se Deus quiser. E ele quer.

Isso e tudo gente!! Espero que tenho gostado e tenha conseguido passar a emocao que senti de ter visto a Meryl pela a primeira vez, espero que outras vezez virao.

Bjks



Festa Brasileira

quinta-feira, 30 de abril de 2009

Ola people!

Esse mes de abril tem sido muito interessante. No sabado retrasado teve reuniao de au pairs junto com as familias. Cada au pair tinha que levar uma sobremesa de seu pais, e eu levei pudim de leite condensado. Na verdade eu queria levar brigadeiro, mas como aqui nao se acha as forminhas de brigadeiro acabei desistindo. Nunca na minha vida tinha imaginado que essas forminhas so existem no Brasil rsrs. Depois da reuniao algumas au pair estavam combinando de sair, e acabei indo junto num bar aqui em Frederick mesmo. Bar nao e minha praia mas ate que foi divertido, so nao sei se volto de novo.

No ultimo sabado fui a uma festa brasileira em Clarskburg, MD. Estava esperando por essa festa ha mais de 2 meses. So de saber que iria comer comida brasileira ja me deixava ansiosa. A festa era beneficente. Tem uma brasileira que ja mora aqui ha mais de 20 anos, a Mariza. E todo ano no mes de Abril, que e aniversario dela, ela organiza essa festa, banca a festa e cobra de quem quiser entrar. O que e arrecadado e doado para um asilo no Brasil. Eu acho a ideia otima, pois alem de ajudar quem precisa a gente aqui tambem sai ganhando. Esse ano conseguimos arrecadar quase 3 mil dolares.

A festa estava otima. Tinha ate musica ao vivo, tocando musicas que normalmente eu nao gosto, mas morando fora do Brasil ate que sinto saudades, da pra acreditar?? Dancei muito, que delicia que foi. Acho que a ultima vez que tinha dancado foi na formatura da minha amiga Joyce, no final de 2004. Ate eu tinha esquecido de como eu gosto de um forrozinho. E lembrei como se danca rsrs.

Fui uma das primeiras a chegar junto com minha amiga Marialva, porque ela iria ficar na entrada arrecadando as doacoes. Logo depois vi uma menina americana, chegando e falando com uma das brasileiras que organizou a festa. Ela falava algo assim: "I saw the yellow and green ballons..." mas nao consegui entender direito porque estava longe. Mas soube que ela mora ali no condominio, cujo o salao de festa alugamos. Puxei assunto com ela, e tudo que ela falava nao fazia senso nenhum. Conclui que ela e meio pancada. Depois descobri o que ela disse quando chegou: ela achou que a festa era pra ela so pelo simples fato que o aniversario dela tinha sido naquela semana. Ai tive certeza que ela e maluquinha rsrs.

Tambem teve um mala sem alca que conheci la, apelidei ele de Chicletinho. Esse tiozinho me tirou pra dancar logo no comeco da festa. Ai depois ele nao queria me deixar em paz. So queria dancar comigo, mesmo quando a musica era pra se dancar sozinho, nao em dupla rsrs. Ja tava ficando irritada. Comecei a dar uns gelos nele, mas ele sempre aparecia na minha frente. Gruda que nem chiclete, to fora hein!! A Marialva me disse que ele e meio sem nocao mesmo, que nos eventos anteriores ele sempre gostava de dar uma de esperto e entrar sem pagar.

Mas tirando o Chicletinho de lado, tudo estava maravilhoso. Tanta comida, bebida, musica, gente legal. Tinha alguns americanos la tambem. Meu, eu queria ter filmado a cara deles quando eles veem a gente dancando kkkkk. Tinha 2 americanas, de mais ou menos uns 45 anos por ai, que sao amigas da Mariza. Elas estavam sentadas e vendo a mulherada sambar. No comeco elas ficaram olhando um pouco horrizadas, passou um tempinho elas comecaram a mexer o corpo ligeiramente, quando eu vi minha gente, elas estavam la na pista dancando (pelo menos tentando rsrs) muito o samba.



Tambem tinha o John, americano que conheco la da igreja da Marialva. Ele tava adorando, ficava me pedindo pra traduzir o que o cara da banda falava, e foi pra pista tambem rsrs. E mais uma meia duzias de americanos que sao namorados ou maridos das brasileiras. Tinha um que se nao fosse pela a cara de americano passaria por brasileiro, porque ele tava dancando muito bem. Nao que todo brasileiro danca espectacularmente, mas ao menos nao somos tao desengoncados como eles.

Teve bolo, pudim, cocada, brigadeiros, beijinhos, cajuzinho. E a meia noite em ponto a festa acabou. Mas ja fiquei sabendo que o mesmo grupo vai organizar uma festa junina em Junho, obaaaa!! Mal posso esperar, ate ja pus no minha agenda.

Vou indo nessa!! Mas vou voltar porque tenho algumas cositas pra postar.

Bjks e ate mais!!

Minha pascoa brasileira 2 !!

segunda-feira, 13 de abril de 2009

Felizmente, valeu a pena ter ido. Mesmo que cheguei atrasada 40 minutos, e perdi praticamente toda a cantata. E tambem nao tinha mais lugar no estacionamento, e o Aquila disse que eu podia estacionar na vaga de deficientes, porque nao ia mais chegar ninguem. Foi o que fiz, mesmo morrendo de medo!!

Nossa, gostei muito de la, principalmente por ser pascoa, sempre fico emocionada ao celebrar a ressureicao de Cristo. E tambem ir numa igreja brasileira, nossa me senti no Brasil, tanta gente bonita, animada. Tava precisando ver gente com uma corzinha, nao aguento mais ver tanta gente palida rsrsrs. Sem contar que todo mundo se veste bem, claro que isso nao e o intuito de uma pessoa ir a igreja hahaha, mas se voces morassem aqui e visse como o povo se veste mal voces iriam entender, doi os olhos!!! Ao final todo mundo foi ate o refeitorio pra comer, como toda boa igreja batista hahahaha. Que delicia de comida, como e bom comer nossa comida. Voces que estao ai deem gracas a Deus pela a comida que tem, me sinto ate culpada por as vezes ter implicado com minha mae, dizendo que o arroz tava assim, o feijao tava assado etc.

Mas o melhor de tudo foi ter conhecido tanta gente simpatica, divertida. Meu, como eu dei risada ontem. Gente de todo lugar, varios sotaques. Nem preciso dizer que tinha bastante mineiro ne? Uai!!! O Aquila me apresentou a varias pessoas, e ele dizia: essa e minha amiga Marina la da cidade de Tchoflotoni. Ai as pessoas estavam achando que eu era mineira (de certa forma sou), ai tinha que que ir explicando que sou de SP, mas que morei la por 4 anos e etc. Perdi a conta quantas vezes contei essa historia. Conheci um cara que foi da mesma igreja que eu e o Aquila frequentavamos em TO, a igreja Ebenezer. So que ele foi de outra epoca, quando cheguei na Ebenezer em 2000 ele ja nao estava la mais, porque ja tinho vindo pra ca. Cada coisa hein!!!

Acho que a coisa mais engracada foi quando o Aquila me apresentou a um rapaz, chamado Lonny, e disse, mas rindo, que ele era goiano. Ai o cara riu tambem, e todo mundo na mesa tambem. E eu pensei: o que tem de tao engracado ser goiano?? O rapaz estava sentado do meu lado, entao comecamos a conversar. Ele perguntou onde eu morava, e quando disse ele mal acreditou, porque ele mora aqui em Frederick tambem. E Frederick aqui e considerado super interior, porque estamos quase na Pensilvannia ja, muito distante da capital, praticamente 75 km de Washington DC. E Silver Spring fica nem 15 km da capital. Tudo mundo falou: ate que enfim Lonny, alguem que mora la no interior tambem rsrs.

Conversa vai, conversa vem, e eu comecei a perceber que ele tem um sotaque estranho. Sabe esses brasileiros, que as vezes ficam muitos anos morando fora, e quando falam portugues soam meio estranho. Entao, e assim que ele fala, e achei que era esse o caso. E o Aquila, que estava sentado do meu outro lado, comecou a falar em ingles uma hora. Ai eu disse: meu, voce ta louco? porque voce ta falando ingles?? rsrs. Ai ele: e porque quando converso com o Lonny entro no automatico comeco a falar ingles. E eu: mas porque?? Conclusao: o cara e americano kkkkk. Ele ama o Brasil, nossa cultura, e passou a ir na igreja e aprendeu o portugues. E ele fala tao bem, que eu pensei que ele era brasileiro; e todo mundo brinca que ele e goiano porque ele esteve no Brasil em fevereiro com uma amiga brasileira de Goias (que estava la na mesa tambem). Estou impressionada ate agora, porque portugues e tao dificil, mas ele fala fluente, mesmo que um pouco de sotaque. Ate girias de paulista ele tem: ele fala MEU rsrs, e obvio, fala o mineires UAI. E descobri que ele tem interesse no Portugues pois seus avos eram de Cabo Verde, mas como ele nasceu aqui a lingua portuguesa se perdeu dentro da familia dele, porem ele acabou se interessando pela lingua mais tarde. E viva o Portugues!!! Ai como eu queria ter meus acentos nesse momento!!!

Ah, tambem conheci uma au pair la, a Dina, e ja combinamos de conhecer os museus de Washington juntas. E o Aquila que os conhece como a palma da mao dele, ofereceu pra ir junto e ser nosso guia.

Agora vou indo, porque preciso fazer uns exercicos de HTML. Amanha voltam minhas aulas.

Ate mais povo!!

Bjks

Minha pascoa brasileira 1!!!

Ola povo querido!! Muitas novidades pra contar.

Bom, da ultima vez que escrevi minha hostfamily tinha viajado pra Disney. Ai eles voltaram dia 1 e no fim de semana seguinte tivemos a visita dos pais da Ashley. E tambem foi aniversario do Kevin (4 de abril), dei um livro do Watchmen pra ele e parece que ele gostou muito. Infelizmente na quinta passada dia 9, o pai do Kevin faleceu, ele tinha cancer e estava muito doente. Entao no dia seguinte minha hostfamily foi pra Seattle; eu fui ate o aeroporto de Baltimore com eles pra dirigir o carro de volta pra casa. E na terca quando eles voltarem eu terei de busca-los tambem. Enfim, ganhei 5 dias de folga de novo, porem por um motivo muito triste. Kevin estava arrasado, porque tinha esperanca que o pai dele sairia dessa. Uma pena!!!

Mas falando de coisas boas, como foi a pascoa de todo mundo???? A minha foi otima, mesmo sem tanto chocolate. O que na verdade achei ate bom porque nao vou enordar. Me pesei essa semana e vi que ja perdi 5 kg desde que cheguei aqui, sem esforco nenhum. E olha que as vezes como os junk food da vida. Mas talvez eu esteja comendo porcoes menores do que quando estava no Brasil. Tambem ne? A comida daqui nao e aquela maravilha, pra que repetir??

Meu amigo Aquila tinha me convidado pra ir nesse domingo a igreja que ele frequenta aqui, Igreja Batista Brasileira. Era o culto de pascoa, com cantata e apresentacoes e etc. Fiquei super animada pra ir. Mas olha o que aconteceu antes: eu fui abastecer o carro, estacionei, sai do carro, ja abri o tanque e desenrosquei a tampinha e a pus em cima do carro. Mas ao tentar abastecer percebi que a maquina nao aceitava cartao, so dinheiro. Que absurdo, aqui quase ninguem anda com dinheiro (acredito que no Brasil tambem), e todos os postos que vou aceitam cartao. Entao entrei dentro do posto, onde geralmente voce paga pro balconista e eles liberam a maquina la fora ja com a quantidade de gas que voce pagou pra eles. Mas nem la dentro eles aceitavam cartao. Povo burro, estao deixando de ganhar dinheiro!!! Sai com tanta pressa pra ir ate outro posto que esqueci que meu tanque estava aberto, e o pior: a tampinha estava em cima do carro.

So quando cheguei no outro posto que percebi isso, e a tampinha obviamente nao estava mais la; mesmo assim abasteci e voltei correndo no outro posto pra ver se encontrava minha tampinha. Mas nao achei. Liguei pra Marialva, e ela me sugeriu ir ate um loja de pecas de carro que fica bem perto de onde eu estava. Ai fui, torcendo pra que a tal peca nao custasse muito caro, porque com o tanque aberto nao daria pra eu ir ate a igreja, que fica a 1 hora daqui. Ainda bem que a peca custava 8 dolares. Comprei e segui meu rumo a Silver Spring.

Vou continuar minha historia em outro post, pra nao ficar muito grande.

Ate la.

Atualizando....

quarta-feira, 1 de abril de 2009

Gente, nossa que saudade de vir aqui, mas a correria foi punk. Nao postei nada neste mes, e como aqui ainda nao e abril, vamos la pro meu primeiro e ultimo post do mes. Tenho muito a contar, vou por partes.

Eu reencontrei alguns amigos em D.C. O primeiro foi o Aquila, um grande amigo de Teofilo Otoni. Muito louco isso, depois de 6 anos nos reencontramos logo aqui. Foi otimo perceber que apesar de todo esse tempo somos amigos ainda. Algumas coisas mudam, mas amizade continua. Fiquei super feliz em reve-lo.

Ai no comeco do mes reencontrei 2 amigas au pairs que embarcaram comigo e fizeram o treinamento em NY, mas que moram na regiao de Boston. Foi otimo tambem. Com a Juliana encontramos por acaso no museu da Nasa. E com a Michele e a amiga dela Lily passei um sabado inteiro perambulando em D.C, num dia chuvoso. Mas valeu a pena!! Postei uma foto minha com a Mi!!!



Algo nao muito legal aconteceu 2 semanas atras: tive uma queda de pressao e desmaiei no meu quarto. Mas foi so um susto, estou bem agora, apesar de ter ficado assustada. Acho que nao estava me alimentando muito bem. Vou comecar a tomar umas vitaminas a parte. Afinal todo americano toma vitaminas, acho que e por falta de fonte de vitaminas na alimentacao. Fazer o que?

Bom, na terca passada eu comprei meu laptop. Yupiii!! Estou felicissima!!! Ja estou aprontando um monte com ele, brincadeirinha, aprontar nao e bem a palavra. Se nao o que voces vao pensar, mas to aproveitando pra fazer tudo que o outro lap nao fazia, ou seja, quase tudo rsrsrs. O melhor, posso fazer aula de idiomas de graca pela a internet, qualquer lingua. Ja baixei o programa e ontem fiz umas aulinhas de Italiano e Ingles.

Sabado foi aniversario da Zizi Possi. Nos os zizianos fizemos uma festanca virtual no blog dela. Meu como amo a Zi, ela e tudo de bom e mais um pouco. Nunca vi ninguem tao carinhosa com seus fas como ela. E por isso que nos gostamos tanto de mima-la. Ela merece. Eu a mandei um presente que ela amou e agradeceu no blog:

"...O carinho da Marina desenhou o caminho longo que três irmãos deveriam fazer para me alcançar, e eles, os três girassóis lindos que alegraram meu dia, chegaram sãos, salvos e vibrantes, trazendo uma alegria incomensurável... ... Muito obrigada pela lembrança, pelo carinho, e pelo gesto!

Vocês arrasaram e me emocionaram muito.

Viver, amar, cantar, vale!!!!

Obrigada, de coração."


Nossa, so de saber que causei uma alegria incomensuravel no niver da Zizi fiquei incomensuravelmente feliz!! rsrsrs
Zi, Parabens!!! Que venham mais 53 anos!!!

No sabado tambem, minha hostfamily viajou pra Orlando, e estou aqui sozinha desde entao. O maravilha!! Amo ficar sozinha!!! Amanha a noite eles retornam.

Passando pro ultimo acontecimento: hoje tive minha primeira aula no Frederick Community College, que de agora pra frente vou o referir aqui no blog sempre como FCC, porque e mais facil rsrsrs. Foi bacana a aula, gostei mesmo. Apesar que percebi que sou a mais nova da turma, mas tudo bem. Ate prefiro, porque ai nao tem aquelas brincadeiras que sempre desconcentra todo mundo. O melhor: so tem americano na sala, ou seja, Excellent English pros meus ouvidos.

Nao vejo a hora de poder comecar a melhorar esse blog, em breve eu o farei, ainda mais com essas aulas de HTML.

Por hoje e so, mas tambem escrevi demais.

Vou fazer naninha agora.

Bjks

Free Stuff and more

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Todo mundo curtindo o carnaval por ai?? Aqui nem a sinal de carnaval, gracas a Deus.

Dois dias depois do Oscar 2009 e a Meryl nao levou a estatueta. Caramba eu achei que eu que era fanatica pela Meryl, espera pra ler as fas no forum do site dela. Todas revoltadissimas que a Kate Winslet ganhou. Jesus apaga luz. Como se a Meryl precisasse de um terceiro premio pra provar que ela e a melhor atriz na face da terra. Alias esse Oscar so deu ela, foi mencionada nao sei quantas vezes durante a cerimonia e partes de alguns filmes dela foi mostrado durante alguns clips. Sem contar no tanto que ela foi cobicado no tapete vermelho, o elenco de Slumdog Millionaire (melhor filme merecidamente) literalmente a cercou pra pedir autografos.

A propria Kate agradece ao final do discurso as atrizes indicadas na mesma categoria que ela, e ainda acrescenta que elas todas nao devem acreditar terem sido indicadas na mesma categoria que a Meryl. Ai ela olha pra Meryl e diz: desculpa Meryl, mas voce vai ter que engolir isso. Esse comentario da Kate e referente ao fato que a Meryl sempre fica desconforavel ao receber elogios. Mas voce vai ter que engolir esse babe. Alias a Meryl devia ter uma Categoria Meryl Streep. Acho que vou mandar minha sugestao pra academia rsrsr.

Deixando minha sandice de lado, hoje fomos comer panquecas de graca no IHOP, uma franquia de restaurantes que tem por aqui. Deixa so fazer um comentario sobre algumas coisas que tem aqui: coisas de graca. Parece ate piada ne, mas e verdade.

Por exemplo logo quando cheguei aqui, no dia das eleicoes presidenciais, uma sorveteria tava dando sorvete de graca pra quem tinha votado. Mas quando chegamos la ja tinha acabado. O Kevin ficou pe da vida rsrs. Ai no mes passado o restaurante Denny's tava dando cafe da manha de graca das 5:30 as 2 da tarde. Ai fomos o quatro la no horario do almoco pra comer panqueca, omelete e bacon de graca. Ficamos quase 1 hora na fila, mas entramos e comemos. Claro que voce paga pela a bebida e a taxa, e como e costume dar gorjeta voce acaba pagando por isso tambem. Mas o valor e praticamente irrisorio.

Ai hoje tinha ido no park com a Kendall e quando voltei o Kevin ja tava em casa, ai ele disse que iamos jantar fora porque ele descobriu que tinha outro lugar com comida de graca. E tinha gente viu, voce tem que ir ate a hostess dar seu nome e numero de pessoas que estao com vc e depois de 30 minutos eles te chamam. Ah lembrei, tem uma rede de farmacia que ta dando antibiotico de graca desde que o ano comecou e acho que vai ate o mes que vem. American Way.

Agora ja vou indo porque minhas costas tao doendo. Pra fechar postei uma foto da Meryl com a Kate na festa apos do Oscar.

Bjks e ate mais




Ei Kate, o Oscar e meu!!!

Oscar time!

domingo, 22 de fevereiro de 2009

Oi pessoas!

Esse fim de semana ta um bode que so. Tive que trabalhar ontem, meus hosts tao reformando o porao e tiveram que sair pra comprar materiais. Ao que parece eles tiveram um problema na loja que os atrasaram e eles so voltaram as 19:30. Detalhe: meu horario ia ate 17:00. Conclusao: perdi meu sabado.

Ao menos eles trouxeram uma comida superdeliciosa do Popeye's. Ai depois disso brincamos de Rock Band no videogame Nintendo Wii. Eu toquei bateria, a Ash cantou e o Kevin tocou guitarra. E a Kendall simplesmente fez um pouco de tudo, principalmente dancar, como ela mesmo diz "I'm ready to rock". Ela ama Rock Band! So cute!!

Ai subi pro meu quarto, navegando na internet e liguei na casa do meu tio Anderson, coisa que nunca fiz desde que cheguei aqui, e aprovetei pra dar parabens pra Neidir pelo o aniversario. Acho que conversei bem 1 hora com meu tio. Foi muito bom!!

Depois fiquei ate umas 2 da manha no MSN com a Joyce, o que foi absolutamente maravilhoso, porque sinto tanta falta da minha amiga, ja sao quase 4 anos sem ve-la. Estou te esperando aqui Jo.

Hoje realmente nao tenho animo pra sair nao, entao to assistindo HGTV, canal de design, reforma, arquitetura e afins, viciei totalmente nesse canal. Com certeza o vocabulario de decoracao em ingles eu ja sei muito bem rsrs.

E mais a noite tem OSCAR 2009, pra quem me conhece sabe que amo assistir, e hoje e mais que especial porque a Meryl e uma dos indicados. Pra refresca-los a memoria essa e 15ª vez que ela foi indicada, mas nunca a vi ganhar ao vivo porque ela ganhou duas vezes em 1980 em 1983. Vou ficar com os dedos cruzados.

Inte

Noticias people!!

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Oi pra todos!

Tenho algumas coisas que quero compartilhar com voces. Finalmente me matriculei pra um curso na Frederick Community College, mas conhecida como FCC. Ainda nao tinha me matriculado porque nao tinha achado nada que me interessasse, ate que achei o Web Development. Quando tava no Brasil nem imaginava fazer esse curso, mas tenho visto as opcoes achei que essa seria a que mais acrescenta meu curriculo. Na verdade, depois que pesquisei melhor sobre HTML e XHTML fiquei muito animada e mal posso esperar pra comecar.

O curso so comeca infelizmente dia 31 de marco, mas quando falei com minha hostmother que so tinha 4 vagas sobrando ela achou melhor irmos fazer a matricula, entao fomos na segunda a noite. Fizemos a matricula, compramos meu livro e pude conhecer um pouco melhor a faculdade, que por sinal e enorme, sao varios predios. A Ashley achou um mapa do campus e marcou meu predio e minha nele.

Como nao poderia deixar de ser, estou juntando dinheiro pra comprar meu proprio laptop. Pra aqueles que nao sabem eu uso um velho que a familia me empresta. Mas como ele e velho nao suporta varios programas e tem pouca memoria. Ou seja pra fazer os cursos que pretendo fazer ja nao serve. Sem contar que achei cursos de idiomas online de graca pela a biblioteca daqui, mas com esta configuracao tambem nao consegui ter acesso ao conteudo. Acho que em 3 semanas ja terei dinheiro suficiente pra comprar EBAA!! Depois do curso e com laptop novo finalmente vou poder criar o template que sempre quis pra por aqui no meu blog. Aguardem!!

No mais, tenho ouvido muito musica brasileira, assim ajuda matar um pouco a saudade. Ah, vou ao cinema todos os finais de semana, tudo que sempre sonhei rsrsrs. Mas pra falar serio ja assisti todos os filmes que me interessam, so sobraram os infantis, os de terror (nao assisto e as comedias bem toscas, aff... espero que cheguem filmes novos logo.

Por falar em cinema, deixa eu contar algo tipico americano que aconteceu comigo semanas atras. Eu tenho um cartao de fidelidade do cinema, toda vez que compro o ingresso vou acumulando pontos e eventualmente ganho um ingresso, pipoca ou etc de graca. Mas eu nao sou muito fa de comer pipoca no cinema, ate porque custa os olhos da cara ne. Mas teve um dia que ao comprar meu ingresso a atendente me deu um ticket dizendo que eu tinha ganhando uma pipoca "pequena". Porem tinha acabado de comer um sanduiche e nao estava exatamente com fome, mas pensei "e de graca mesmo". Aparentemente o conceito de pequeno aqui na America e um pouco diferente que do Brasil rsrs, pois a pipoca era gigante, sem exageros; ate pensei que a moca tinha me dado o tamanho errado. Mal comi a metade. Americanos!!!

Outra coisa que os americanos amam: comer doce com salgado. Esta bem que amo goiabada com queijo, mas os yankes aqui colocam molho doce na bisteca :O Dia desses aqui em casa tinha bisteca no jantar, e eu desconfiei que o molho era doce, ai vi um vidro de Ketchup na mesa coloquei um pouco pra ver se quebrava o doce, ai minha hostmom olheu espantada: "vc coloca ketchup na bisteca?". Tive que confirmar algo que nunca faco, pois como vou dizer: "Nao, e que isso e muito doce pro meu gosto"??? O jeito e se acostumar, e se preparar pras bistecas e costelas doces. Ai hoje de manha, na hora do cafe, ela ia por geleia no pao, e na embalagem da geleia tinha sugestoes de uso com fotos, e uma delas era pra por em bolacha de sal, ai ela olhou com nojo: "eca, geleia com bolacha". Bisteca com molho doce (que parece geleia) sim, bolacha com geleia nao, vai entender!!!

Mas apesar dessas diferencas culturais, estou muito feliz com essa familia, principalmente com a Kendall, que eu ja amo de paixao!!

Sem mais a declarar por enquanto vou batendo em retirada, mas volto assim que puder.

Beijokas!

domingo, 1 de fevereiro de 2009

Ola pessoal!!

Da pra acreditar que estou aqui ha 3 meses?? Ta passando depressa, o que e muito bom. Eu estou tao acostumada que as vezes esqueco que estou em USA. Uma coisa que notei e que meu ingles deu uma travada, to com muita raiva disso, provavelmente isso se deve ao fato de ter encontrado amigos brasileiros por aqui e tambem porque ultimamente estou ligando muito na minha casa no Brasil.

Ontem mesmo, sai com minha amiga Marialva e a filha dela, fomos pra Montgomery County, cidade nao muito longe daqui. La tem uns mercados brasileiros que queria conhecer. Foi ate legal, porque dentro do mercado tinha uma lanchonete, assim que entrei senti um cheirinho muito bom. Ate falei: tem cheiro de Brasil. Ai fui dar uma espiada no balcao: uma variedade de salgados brasileiros, pessoal falando portugues, assistindo Luciano Huck... Comi uma coxinha e um risoles de palmito e bebi garana Antartica hehehe. Aprovetei e comprei uma bolacha Passatempo e chocolate Bis. Depois fomos no outro mercado brasileiro ha menos de 1km do outro. La tava vendendo feijoada, ai comprei uma marmitinha tambem rsrs, mas ainda nem comi, ta la na geladeira. Saimos de la e fomos na casa de uma amiga da minha amiga, brasileira tambem, mas casada com um italiano. Engracado que ela fala com ele em portugues, ele entende, mas responde em ingles rsrs. A mulher aluga um dos quartos da casa pra um brasileiro tbm, ai nao tive jeito, falei portugues o dia inteirinho ontem. Mas foi divertido, porque brasileiro aqui nessa terra quando se junta e so alegria, cada um conta os seus "causos" do Brasil e vira uma festa.

Mas hoje sai com uma amiga au pair, que e da Colombia. Interessante que ela me disse que sentiu que o ingles dela estacionou, porque ela tambem saia bastante com outra au pair que falava espanhol. Ai combinamos que vamos nos encontrar mais vezes tambem, porque ai estaremos sempre falando ingles.

Assistimos Slumdog Millionaire. Filme imperdivel, nao sei se esta passando no Brasil, mas se tiver assistam, vale a pena. Algumas frases eu nao entendi direito, porque indianos tem uma pessima diccao em ingles, tem alguns sons que eles simplesmente nao conseguem fazer rsrs. Mas isso nao me impediu de entender o filme, que e realmente muito bom e merece toda a atencao que ta tendo da critica e midia.

Semana passada nevou pra caramba aqui, levei a Kendall pra brincar na neve por 1 hora. Acontece que a pessoa que vos escreve nao tem roupa de neve ainda, entao quando voltei pra casa guess what happened?? Tive uma crise de hipotermia. Nem queiram saber como e' porque e' horrivel. Nao parava de tremer e sentir frio durante o dia inteiro. Coloquei 3 blusas de frio, uma jaqueta, e estava debaixo de 2 cobertas. Minha cabeca tava tao pesada e parecia que ia explodir. A noite mal dormi, acordava de hora em hora literalmente. E muito estranho, minha temperatura so voltou normal no outro dia, e mesmo assim so me senti eu mesma depois de 2 dias. Essa foi uma licao que aprendi "na pele" rsrsrs. Esse negocio de neve nao e muito minha praia nao, acabei de crer. Alem do mais, quando neva demais as estradas fecham, as escolas tambem, realmente nao e legal. Minha kid so teve aula na segunda, tive a semana mais cansativa de todas desde que cheguei aqui. Pior que a previsao e' de neve pra amanha tbm, so espero que esteja errada, porque hoje fez um calor fora do comum, ate estranhei. E o aquecimento globoal minha gente.

Ja falei muita bobagem. Hora de ir!!

Bjks e ate a proxima!!

Viagem a NYC e as surpresas...

quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Ola pessoal, aqui estou eu de novo!!

No ultimo post falei que ia contar minha viagem a NYC. Pois bem: sai aqui de Frederick na vespera de Natal, minha amiga Marialva me deu uma carona ate DC e peguei o onibus pra NYC as 2 da madrugada. A viagem foi tranquila, apesar do onibus ser superdesconfortavel, nem consegui dormir.

Cheguei a NYC e o ceu ainda estava escuro, faltava poucos minutos pra 6 da manha. Olhei pra um lado e por outro, nao tinha a minima ideia de que lado eu pegaria o metro. Mesmo estando com o mapa na mao andei mais do que precisava ate achar a estacao. O pior: a maioria das estacoes de metro de NYC nao tem escadas rolantes nem elevadores. Imagina eu andando com uma mala pesada pra caramba, era de rodinha, mas nao adianta nada sem elevador ou escada rolante. Fiquei decepcionada, em Sampa subia de escada quando queria, mas sempre tive a opcao de escada rolante na maioria das estacoes do metro. Isso e' pra provar que nem sempre aqui as coisas sao melhores. Fico imaginando como um deficiente fisico se vira em NYC, com certeza nao pega o metro. Que alias e imundo, velho e feio. O metro de SP da de 1000 a zero. Mas nao posso negar que tem pelo menos 10 vezes mais estacoes e linhas, o que praticamente cobre toda a cidade.

Mas deixando de lado o metro, quando cheguei ao lugar que tinha reservado pela internet outra decepcao: era uma espelunca. Tive que fazer o check-in, deixei minhas coisas la, e sai desesperadamente em busca de lugar pra acessar a internet e com sorte encontrar um lugar pra ficar. Eu andando em plena Times Square, num 25 de dezembro, ruas lotadas, e eu procurando uma lan house. Andei quase duas horas ate que achei uma na rua Little Korean, e por minha sorte pela internet vi que tinha vaga num albergue nao muito longe do centro. Fui ate la e ja reservei pra outro dia. Voltei praquele lugar horroso e nem sei como consegui dormir, mas o cansaco acabou vencendo e no outro dia de manha sai correndo de la. O lugar era tao imundo que nem tive coragem de tomar banho la. Quando cheguei no outro albergue, a primeira coisa que fiz foi tomar banho. O albegue era simples, mas decente e muito limpo. Dei gracas a Deus por ter achado ele de ultima hora, mesmo que so ate o dia 30, pois tinha intencao de ficar ate primeiro de janeiro.

Ai no sabado a filha da Marialva, a Heloisa, que tambem mora aqui em Frederick foi pra la tambem e ficou comigo ate o ultimo dia. Ate gostei, porque pelo menos tive alguma companhia, ja que minha amigas brasileiras so chegariam no dia 31 e eu ja teria ido embora.

Fomos em muitos lugares: Central Park, Metropolitan Museu, Rockfeller Center, Times Square, Tribeca, Chinatown. Uma outra coisa boa do metro de NYC e' que (apesar da imundice) voce paga apenas 25 dolares por um passe de uma semana, e vc usa ilimitadamente. Isso foi bom, porque as vezes pegava o metro 5 vezes por dia.

O que mais gostei foi ter ido no Museu de Cera, uma pena que nao tem uma estatua da Meryl la, mas e muito divertido, iria de novo. Agora da proxima vez que eu for pra NYC quero ir na estatua da Liberdade, de preferencia quando nao etiver tao frio. Tambem quero assistir alguma peca da Broadway. No geral a viagem foi proveitosa, agora ja sei o que nao fazer rsrsrs. Mas falando serio, me senti em casa em NYC, tem a mesma energia, sensacao, agitacao, correria, diversidade de SP, que sinto tantas saudades. Aqui e tudo muito calmo, nem transito tem rsrs.

Entao voltei pra Frederick antes do previsto e passei o ano aqui, sozinha, assistindo os capitulos que tinha perdido da A Favorita. Nao ouvi um fogo sequer, realmente algumas coisas sao bem diferentes aqui quando se trata de comemoracao. Alguem me disse que eles soltam fogos em 4 de julho. Tinha que ser uma comemoracao apenas deles mesmo, mas algo que o mundo ta comemorando nao. Fui ate a casa da minha amiga mas voltei antes da meia- noite, fiquei com medo porque tinha muita patrulha de policia, e meu carro esta sem um dos farois. Ai pensei: "vai que os policiais implica comigo por causa disso", a familia nao tava aqui, entao nao quis ficar ate tarde. Mas nem me importei, queria ficar sozinha mesmo.

Isso e tudo gente, e de agora em diante vou tentar a postar com mais frequencia.

FELIZ 2009 pra todos!!!

Bjks

A volta ao mundo virtual!!

sábado, 17 de janeiro de 2009

Caramba, quanto tempo que nao abro este blog!!! Pra falar verdade ando mesmo sem animo pra postar aqui, porque acredito que quase ninguem le mesmo, com exceção da Joyce e da Iris e claro. Mas como elas sempre insistem pra que eu atualize isso aqui eu finalmente vim, em consideração a voces. Acho que nao vai dar pra resumir todo num post so.

Bom, de 19 de novembro pra ca muitas coisas aconteceram e verdade. Por exemplo, foi nesse mesmo dia que a filha da minha amiga Iris (outra Iris, aqui do EUA) nasceu. E ja ganhei o posto de Tia Marina da Luanne, que nem conheci ainda, mas em breve irei a Massachusetts pra isso. Nesse mesmo dia o meu avo em Sao Paulo foi internado, mas ficou pouco tempo e saiu e hoje esta bem graças a Deus.

No fim de ano tive dois "breaks". Um foi durante o Thanksgiving e o outro no Natal e Ano Novo. No Thanksgiving minha "hostfamily" foi pra Seattle e eu fiquei aqui sozinha por 10 dias. Aconteceu de tudo um pouco, inclusive meu pneu muchou bem na noite de Thanksgiving quando voltava da casa da minha amiga. Imagina meu desespero ne? Ainda bem que eu ainda estava na garagem do predio dela, e liguei pra imediatamente e ela desceu pra me ajudar. O frio de lascar e eu tendo que procurar o pneu reserva, ferramentas, mas no fim deu tudo certo. Nesse meio tempo cozinhei algumas vezes, e dei graças a Deus por saber cozinhar desde 13 anos e minha mãe por me ensinar hehe. Quando meus hosts voltaram eu cozinhei pra eles e eles amaram. Nem fiz um prato tipico brasileiro, era tipo uma lasanha com base de batatas e recheio de frango. Mas posso garantir que fez muito sucesso (Humilde nao?).

Infelizmente em Dezembro aconteceu algo muito triste: minha bisa la de TO faleceu. Nossa, fiquei arrasada. A ultima vez que a vi foi em fevereiro de 2003, quando saimos de TO pra voltar pra SP. Mal eu sabia que seria a ultima vez mesmo. Nem consigo imaginar eu voltando a pisar em TO sem a Deinha estar la. Mas fico feliz porque ela teve um vida muito abundante, e gerou muitos frutos. Isso e o mais importante.

Tentei reunir forcas pra entao seguir minha viagem a Nova York,mas antes trocamos presentes aqui em casa, de manha cedo. Isso mesmo, tive que acordar cedo pra troca de presentes rsrs. Ganhei uma blusa muito linda, um chocolate importado da Suica (tava muito bom) e um cartão-presente da Barnes&Nobles. Dei 2 livros pra Kendall, uma caixa de trufas pro Kevin e um conjunto de colar e brinco pra Ashley, acho que ela gostou porque os colocou na mesma hora e eu ja a vi usando oitra vez depois disso. Ainda bem!!!

No proximo post conto como foi minha viagem a NY.

Bjks

Bjks

News from my new World

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Ola pra todos, ou seria melhor dizer hola???

Nao pessoas, nao bati com a cabeca nao. Acontece que nao esperava que iria aprender espanhol aqui nessa terra, mas pelo o andar da carruagem e isso que vai acontecer. Conheci pessoas muito legais aqui, de todas as origens, o que tem sido muito legal, nunca vivenciei algo parecido em toda minha vida. Muitas sao de paises que falam espanhol, e estou aprendendo algumas coisinhas.

Pra falar a verdade nunca gostei de espanhol, mas agora minha lingua ta comecando a cocar hehe, bateu a vontade, entao vou aproveitar essa "habilidade" que Deus me deu, e nao vou desperdicar de praticar com meus novos amigos. Mas os preocupados de plantao nao precisam ficar preocupados, estou sim praticando ingles, afinal nao tem pra onde escapar, aqui em casa, no banco, na escola, no transito, na tv e etc preciso usar o ingles o tempo todo, e' a lingua que mais uso agora. Ate pra me comunicar em portugues ta meio estranho, esqueco as palavras, simplesmente da um branco.

Hoje mesmo isso aconteceu na escola da Kendall, fui la falar pra classe dela a respeito do Brasil, porque esse mes eles estao estudando a America latina, ai uma das professoras me perguntou como se fala em portugues "Yes, please", demorei alguns segundos pra lembrar rsrsrs. Algo tao facil, mas e que a mente fica funcionando numa lingua e a gente deleta a outra.

Adorei ter ido la, claro que fui tranquila porque eram criancas de 2-3 anos, mas falei sobre o Brasil, ensinei eles a contar ate 10 e cantei algumas musicas, Depois eles provaram Brigadeiro que eu fiz, nem preciso dizer que eles amaram ne? Olha que nem foi Brigadeiro original, nao tinha chocolate granulado pra salpicar, entao usei o chocolate em po no lugar. Mesmo assim ficou muito bom.

A partir de sabado vou ficar uns dias sozinha, minha familia viaja e eu nao vou junto. Vou aproveitar e comecar a cozinhar, ate encomendei uma panela de pressao que deve chegar ate segunda. Finalmente vou poder cozinhar feijao.

E isso gente, fico tanto tempo sem escrever, que quando escrevo nao consigo parar.

Fiquem com Deus, saudades de todos!!!

Bjks

Obama wins!!!!

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Se muitos americanos nao esperavam viver pra ver esse dia chegar, eu tambem nao esperava que estaria aqui no dia que isso acontecesse. Mas aconteceu e aqui estou. Fiquei torcendo pra Obama ganhar como se ele pudesse ser meu presidente. Acompanhei as eleicoes ate o momento que a certeza da vitoria veio, entao a meia-noite acompanhei ao vivo o discurso do candidato eleito a presidencia dos Estados Unidos.

Muitos chorando, outros vibrando, sorrindo, gritando, nem eles mesmo acreditavam no que viam, mas e verdade gente, 4 de novembro realmente entrou pra historia. Eu realmente espero que Obama faca a mudanca acontecer, que Change nao seja apenas uma palavra de sua campanha, mas uma atitude que faca os USA melhor.

E quem disse que eu nao votei??? Nao votei mesmo rsrs, mas fingi que sim, porque meu host trouxe pra mim um adesivo "I voted" pra gente ir tomar sorvete de graca num lugar que faz isso depois das eleicoes, acontece que quando chegamos la ja tinham parado de dar sorvete de graca, mas como explicar isso pra uma crianca de 2 anos? Entao tomando sorvete mesmo assim.

That's all folks!!!

Bjks

Tentando resumir 2 semanas

Ola queridos!

Ja nao escrevo ha quase 2 semanas, vou tentar resumir o que esta acontecendo por aqui. Conheci minha LCC na segunda da semana passada, e tambem fui num encontro de au pairs da regiao, confesso que fiquei um pouco decepcionada, porque esses encontros sao mensais e sou obrigada a comparecer, mas achei um pouco chato. Ainda bem que a Juliana veio me buscar, porque era em outra cidade e a noite.

A Juliana e uma au pair brasileira que eu ja tinha contato pelo o orkut, pena que ela ta voltando pro Brasil em poucos dias. Mas tenho que dizer que ela foi minha salvacao naquela semana. Porque minha kid tava resfriada e pra variar eu peguei tbm. Mas nao trouxe nenhum remedio do Brasil e tem aquela lenda que aqui voce nao consegue comprar nenhum remedio sem ter receita. Mas ela falou que remedio pra gripe, dor de garganta e etc nao precisa. Ai depois da reuniao fomos na Target e comprei os remedios e outras coisas que precisava. E tambem descobri como entrar no shopping. Porque semana passada fui sozinha la, cheguei perto, mas nao fazia ideia de como entrar no shopping, ainda estranho pra caramba as ruas aqui, o GPS fala pra entrar a esquerda ai olho e penso: acho que e proibido entrar aqui, ai nao entro rsrsrs. Mas ja fiz progressos desse dia pra ca.

Domingo fui em D.C com minha amiga australiana que mora la perto, peguei a estrada ate a cidade mais proxima que tem metro, estacionei o carro na garagem da estacao e segui meu rumo pra D.C. Adorei la e estive nos lugares que ja vi nos filmes, exceto que eles parecem maiores na tela do que sao de verdade rsrs.

No domingo fui em Annapolis, capital de Maryland. Engracado e' que a cidade e' muito pequena e e' a capital. Na verdade fiquei espantada de saber que Frederick e a segunda maior cidade de Maryland.

Mas amei Annapolis, muito linda e charmosa sem contar que a cidade e conhecida como cidade do siri. Ja quero voltar la mais vezes. Fui com a Juliana (nossa motorista) e mais 2 au pairs brasileiras que vivem aqui. Andamos pra caramba, fomos na Academia Naval dos Estados Unidos. Tambem comemos siri, mas nao deu nem pro cheiro, caro demais uma porcao de 5, nao preciso nem lembrar-los que somos Au Poors ne?



Agora ja to planejando minha volta pra NYC no final do ano, terei um break do dia 25 de dezembro a 2 de janeiro. Por isso preciso economizar pra poder ir pra la, inclusive a Kath (australiana) tambem vai estar la e possivelmente outras au pairs.

Quanto aos cursos, provavelmente so comeco a estudar em janeiro, quero escolher com bastante calma e ja estar bem adaptada aqui.

No mais a saudade da minha familia e amigos e imensa, doi demais, mas fazer amizades aqui com certeza ta me ajudando a amenizar a falta de todos. Outra coisa que sinto falta e do caos de Sampa, como amo essa cidade!!! Fiquei agoniada em saber que a Zizi se apresentou no Ibirapuera esse final de semana inteiro, e eu nao to ai pra ver isso.

Acabei de crer que nao posso viver pra sempre em lugares sossegados. Eu gosto de bastante agitacao, pelo memos por enquanto sou jovem rsrs, vai saber se isso muda um dia, espero que nao.

Fica com Deus meus amores,

Bjks

Encontro com a Hostfamily!!!!

domingo, 26 de outubro de 2008

Gente querida!!

Mil desculpas por nao ter escrito antes. Mas e que sao tantas coisas pra se adaptar e resolver que realmente nao tive animo. Apesar de tudo ter corrido muito bem.

Cheguei na casa da minha hostfamily na sexta dia 17, um dia antes do meu aniversario. Fui muito bem recebida por sinal. Na verdade eles foram me buscar em Bethesda, uma cidade nao muito distante daqui. La em Bethesa desceram 9 au pairs do onibus que veio de NY. No caminho comecei a sentir nauseas de nervoso, porque faltava pouco tempo pra conhecer a familia. O onibus chegou em Bethesda uma hora mais cedo do que o combinado. 9 au pairs desceram do onibus e nao tinha nenhuma familia esperando rsrs. Porem tinha uma funcionaria da Cultural Care, uma LCC, que quer dizer Local Childcare Coordinator. Ela comecou a ligar pra as familias pra avisar que chegamos cedo. Mas minha familia ja nao estava em casa entao eles nao receberam a mensagem.

Vi au pair por au pair indo embora e eu ficando la, num friozinho chato. Entao so sobrou eu, e fiquei conversando com a LCC. Fiquei ate feliz porque ela elogiou muito meu ingles e falou que nem preciso fazer aula de ingles, pra fazer outro curso. Enfim minha familia chegou. Ai o Kevin perguntou se eu estava com fome e de la fomos direto pra um restaurante mexicano, onde pelo menos comi arroz rsrs.

No meio do caminho a KL comecou a brincar comigo, mesmo eu estando no banco da frente e ela atras. Ja de comeco achei ela um amor. Entao chegamos em casa, eles mostraram meu quarto e logo depois a KL ja me mostrou o quarto dela, os brinquedos, tudo, ela parecia bem empolgada.

Nao consegui desfazer as malas e prefiri dormir, no outro dia acordei arrumei tudo e depois desci pra tomar cafe. So estava Ashley e a KL em casa. Mais tarde fomos no Baby Shower da Iris (antiga au pair) onde conheci no minimo uns 10 brasileiros. E o pior: eles tavam tocando funk na festa rsrs, mas sao gente boa apesar de tudo.

Adorei conhecer a Iris, uma pena que ela se mudou pra Massachussetts no dia seguinte, mas ja falei que vou visita-la qualquer hora.

Era meu aniversario tambem, entao depois do Baby Shower eles me levaram pra jantar no restaurante alemao (tinha falado na noite anterior que gosto de comida alema) e quando cheguei em casa tinha um bolo maravilhoso de chocolate, balao e um cartao-presente. Fiquei muito feliz!!!! Quem nao ficaria ne? Aprovetei o momento pra dar os presentes que eu troxe tbm. Eles parecem ter gostado, pelo menos da pacoca tenho certeza, porque eles ja comeram tudo e amaram. Devia ter trazido mais.

Sinceramente estou muito feliz com essa familia, e tenho certeza que terei muitas boas lembrancas do tempo que vou morar com eles.

Por enquanto e so folks, prometo escrever mais e desculpe pelo o post longo.

Enjoy it!!

Cheguei bem !!!

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Pessoas queridas.

Escrevo um post bem rapidinho so' pra dizer que cheguei bem. Ja' estou na escola, bem instalada e conhecendo muitas pessoas. No meu quarto tem uma tailandesa; as alemas naum chegaram ainda, e bem capaz de uma ir pro meu quarto, porque elas sao muitas.


Hoje as 19:00 tem uma reuniao de boas vindas, mas o treinamento mesmo so' comeca amanha bem cedo.

Nem acredito que estou aqui!!!

Estou tao cansada, naum consegui dormir no aviao, as poltronas sao horriveis. E se eu for dormir agora perco a reuniao mais tarde, o jeito esperar pra dormir a noite mesmo.

Por favor, percebam que estou escrevendo errado porque aqui nao tem acento.

Amo muito a todos.

Bjks e ate mais.

Meus Agradecimentos!!!

sábado, 11 de outubro de 2008

Não tenho nem palavras pra escrever. Tudo me parece tão surreal. Com toda sinceridade, não acredito que estou indo. Lembro muito bem lá atrás em 2004 quando eu comecei a pesquisar sobre intercâmbios. Parecia tão distante, impossível, fora do meu alcance. Mas aqui estou eu nas vésperas da minha ida para os USA.

Eu acredito sim em milagres, sempre acreditei. E tudo que sempre quis eu consegui. Nunca foi fácil, pra maioria de nós mortais é assim mesmo. Mas com fé em Deus e força de vontade a gente segue em frente.

Comecei a sentir que realmente estou indo essa semana. Já perdi as contas de quanto já chorei. Mas prefiro chorar agora do que deixar pra chorar lá, quando tenho que estar focada e aproveitando ao máximo minha estadia.

Agradeço primeiro a Deus, que me deu a vida, sonhos, talentos, e pessoas que amo.

Agradeço também aos meus pais, que mesmo preocupados por eu estar indo, me deram apoio pra ir em frente. E todo o resto da trupe também: meus irmãos, primos, tios e tias, avós e amigos e amigos virtuais. Muito obrigada pelos os votos de sucesso e as orações de vocês. Eu amo muito a todos, vocês estarão sempre dentro de mim aonde quer que eu vá.

Como é bom ter família e amigos, sem isso a vida realmente não valhe a pena. Sou muito grata a Deus por todas as pessoas que existem na minha vida.

Bjks

Mais despedidas!!

segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Ontem teve feijodada na casa dos meus avôs, e veio umas 20 pessoas. Foi um dia muito feliz, com muitos "causos" de mineiros, risadas e também muitas lágrimas. Vou sentir muita saudades de todos, não só de quem estava lá, mas muita gente que amo e que vai ficar aqui no Brasil também.



Então é isso folks, uma hora dessas na próxima segunda não estarei mais aqui, e sim em NY fazendo minha semana de treinamento. Passou muito rápido e em breve estou indo, mas tenho certeza que 2 anos vão passar logo também e vou voltar correndo pra cá, morrendo de saudades de tudo e de todos.

Esta semana vai ser punk, muitas coisas ainda pra comprar, arrumar mala, pegar receita no médico, mas tudo vai dar certo, eu sei disso. Sábado chegou meu kit embarque, recebi uma apostila pra a semana de treinamento, e mais um guia pra ler, nem acabei de ler ainda é tanta coisa. Mas é bom embarcar tendo lido tudo.

Conforme surgirem mais novidades eu retorno aqui.

Bjks

Despedidas, mas não pra sempre!!!

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Gente querida!!

Falta menos de 14 dias pra minha partida, ai que frio na barriga! Bom as coisas mais importantes já estão em ordem, já paguei o programa, meu visto chegou são e salvo, agora falta a carteira internacional chegar, provavelmente na quarta que vem. Meu vôo está confirmadíssimo pra dia 12 às 21:25 pela American Airlines.

Já comecei a despedir das pessoas, desde dia 14 na verdade, quando fui em Embu das Artes com a Tia Dê, tio Bebeto e a Thaís. Aí no sábado eles me levaram pra outra "despedida" lá em Santos, comemos no pier, ao lado do Porto, e depois passeamos no Aquário. Foi muito bom, fazia tanto tempo que não descia pra praia, e nem mesmo a chuva atrapalhou o passeio.

Ontem fui despedir do meu avô e da tia Vana, almocei lá e voltei no final do dia. Fiquei um pouco triste ao dar tchau pra eles, chorei, mas sei que não é pra sempre. Tenho que colocar isso na minha cabeça se não fico louca, porque agora minha ficha está caindo, já chorei bastante esse dias, mas sem me abalar ou ficar blue por isso, se tiver vontade vou chorar mesmo, quem quiser que chore também. Estranho seria se isso não acontecesse.

Hoje vou no cinema com minha mãe, acho que nunca fui com ela, que absurdo né? É preciso eu estar indo embora pra eu fazer isso.

E tenho que preparar o coração porque sábado vou despedir de alguns amigos, domingo almoço com a família toda, e semana que vem tem uma outra despedida pra fazer. E depois a despedida final no aeroporto.

Por hoje é só queridos!!!

Xoxo

Mama Mia!

quarta-feira, 17 de setembro de 2008

Gente querida, Tanta coisa anda acontecendo desde do dia que tirei meu visto. Esqueci de comentar que no mesmo dia do meu visto estreiou o novo filme da Meryl: o Mama Mia!. Este filme é adaptado de um musical de mesmo nome da Broadway com as músicas do ABBA. Pois bem, na sexta eu estava muito cansada pra ir assistir depois do consulado. Mas não resisti e no sábado fui ver. Eu sou suspeita pra falar, mas amei o filme, senti falta desde O Diabo Veste Prada de ver a Meryl num papel de mais destaque, e desse ela até já ganhou um prêmio do National Movie Awards e não duvido nada que surja a 15ª indicação para o Oscar. Quem é fã sabe que a Meryl sabe cantar, pois já cantou em outros filmes, e ela até estudou ópera quando criança. Mas parece que os críticos estão descobrindo isso agora. Fica aqui pra vocês um pedacinho do trailer. Bjks e até mais.

I GOT MY VISA !!!!!!

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Queridos!!

Vocês não sabem com que alegria escrevo este post, graças a Deus I got my visa!!!!

Toda aquele ansiedade e preocupação foram embora. Confesso que durante todo o processo de au pair o que me deixou com calafrios e dores de barriga foi essa entrevista do visto. Mas agora que já passou estou feliz da vida, e correndo contra o relógio porque faltam exatamente 30 dias pra eu ir embora.

Lá no consulado foi muito cansativo, já não dormi nada na noite passada e estava morrendo de sono. Cheguei lá perto por volta das 6:30 e minha entrevista eras às 7:30. Como o sono era grande decidi tomar um capuccino e comer um pão de queijo numa loja de conveniência, porque com aquela cara de sono não dava pra ficar. Aí segui até o final da rua Chafic Maluf para chegar no consulado, seguindo comandos que peguei no google map. Bom pra minha não surpresa (porque todos sabem que lá as filas são quilométricas)já tinha um fila enorme no lado de fora do consulado e ele só abre o consulado às 7:30 mesmo.

Olha, todo mundo fala que é muito cheio, muitas filas e tal, mas você só tem dimensão da coisa que chega lá, é muita gente e muitas filas e muita chatice.

São tantas etapas que eu passei até chegar pra entrevista propriamente dita que comecei a passar mal, com um calor insuportável e aquele lugar lotado, Meu Deus foi uma loucura, ainda mais que não dormi nada na noite passada... não via a hora daquilo acabar.

Bom quando consegui passar pra dentro do consulado efetivamente já era 9 horas. Aí colheram minhas digitais, a americana com aquele sotaque carregado "Mão esquerrrda porrr favorrr!! Breeegada!!!". Até que ela tinha uma cara simpática. Aí fiquei aguardando minha senha ser chamada no painel. Estava bem tranquila, não costumo ficar nervosa nessas situações porém essa fui diferente. A gente fica sentada ali e não tem como evitar ficar olhando para todas as cabines de entrevista, tentando descobrir qual cônsul tem a cara mais simpática. O único cônsul que eu não fui muito com a cara foi o da cabine 10, e eu fiquei torcendo pra não ir com ele. Quando faltava dois números para eu ser chamada comecei a suar frio e aí chega minha vez, adivinha com quem? Cabine 10 é claro.

Foi tão rápido, ele já foi perguntando se eu falava inglês e eu falei que sim. Aí perguntou o que eu farei quando voltar, o que meus pais fazem e pra eu falar sobre minha experiência com crianças. Não deu nem 2 minutos, terminei de falar e ele falou que eu podia ir pagar o sedex. E eu: mas preciso voltar aqui? Não? Ok, Thank You!!!
Simples assim. Então saí minha trêmula da cabine foi atrás do funcionário da Sedex, preenchi tudo e entrei na fila pra pagar, sái de lá 10:20. Ufa!!! Que maratona.

Depois ainda dei uma passadinha rápida na casa do meu avô antes de vir embora. Cheguei em casa, alomocei e cai na cama, só acordei pra atender minha amiga Joyce que me ligou e voltei dormir até as 19:00. Melhor sono que tive nos últimos dias.

Quero ver eu dormir agora!!!

Bjks

Parabéns Maminha!!!!

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Pessoal,

Estou me abstendo de internet por uns tempos, acesso muito de vez em quando agora, pois tenho outras coisas para fazer e o tempo tá voando rápido demais.

Mas como hoje é aniversário da minha Mummy eu não poderia deixar passar em branco.



Maminha, te amo muito e você é muito importante pra mim, sempre foi e sempre será. Eu agradeço a Deus por ter você comigo, apesar de pensarmos diferentes em certos aspectos eu sei que sempre posso contar com seu apoio e suas orações. São 44 anos de vida e quase 22 anos sendo mãe, exatamente metade da sua vida, mas eu sou sua filha durante minha vida toda rsrs.

Te amo muito

Sua filhota Marina.


quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Meus queridos!

Sumi um pouquinho pelo o fato de estar me recuperando ainda, pra completar fiquei com um mal jeito no ombro direito o que me impedia de ficar digitando. Espero sentir o que tiver que sentir agora, pois tenho que estar em plena saúde para embarcar.

Meus hosts me mandam vários emails por semana e estou muito ansiosa pra ir logo. Até fico sonhando que já estou lá. O meu hostdad conseguiu um jeito para eu ligar na casa deles pagando como se fosse local, ainda não testei mas quero que dê certo, aí minha famíla e amigos podem me ligar quando eu estiver lá, pagando barato.

O legal foi que a atual au pair deles, a Iris, me achou no orkut e me add, ela é muito simpática, gostei dela de verdade, vai ser legal ter uma companhia brasileira no 1º mês.

Em breve o blog terá cara nova, como tudo vai mudar na minha vida o blog também sofrerá mudanças. Espero que ele esteja pronto antes de eu ir.

Isso é tudo gente. Bjks

fui....

Não deu desta vez!

Post meio que atrasado rsrs

Pois é, os meninos do vôlei não levaram o ouro, mas não tem problema, prata é muita coisa, só é ruim que ela vem de uma derrota.

Mesmo assim, parabéns meninos, vocês lutaram até o fim.

O ouro é nosso !!!!!!!

sábado, 23 de agosto de 2008

Que dia lindo. Acordei 8:55, faltando 5 minutos para a grande final do vôlei feminino. Mas quis dormir mais pouquinho e acabei perdendo a hora, quando vi já era 9:20, dei um pulo da cama, fui para sala e minha mãe já estava com a TV ligada. Ainda resmunguei que ela não me chamou, ela disse que tinha acabado de ligar. Olhei o placar 24 a 15 pro Brasil. Nem mal sentei o Brasil fechou o set.

Eu simplesmente amo vôlei, sempre acompanho. Pode se imaginar então a minha grande decepção quando perdemos na semi-finais em 2004. Eu fui uma das pessoas que dizia que nunca mais iria acompanhar as meninas, só os meninos, mas no fundo sempre acreditei nelas, pois elas sempre lutam, jogam muito bem, mas não conseguiam virar o ouro, bem diferente da Seleção brasileira masculina, mas não vou falar de futebol hoje.

Quatro anos depois a história foi outra. Já na semi-finais contra as chinesas, até então atuais campeãs olímpicas, senti mesmo que este ouro tinha chance de vir. Acreditei no grupo. Torci igual uma louca, passamos então para final, o trauma foi curado.

Voltando para a hora que cheguei no jogo hoje de manhã, estava um pouco sonolenta ainda no 2º set e assistia sem torcer muito, queria primeiro sentir o jogo. As americanas que foram a grande suspresa para essa final, vieram pro jogo para ganhar também. As duas equipes não tinham ganho ainda este título, e era óbvio que não seria tão fácil assim. 2º set acaba, USA ganha por 25 a 18. A impressa imflama o fato que o grupo não tinha perdido um set sequer. Bobagem! Final é final, perder um set é completamente normal, é até bom pra baixar a bola e não cantar vitória antes do tempo. O 3º set tinha qe ser ganho, foi quando comecei a ficar nervosa.

O Brasil demorou para conseguir uma boa vantagem, teve alguns erros bobos, como recepção e saque. Fiquei muito preocupada porque a gigante americana Glass forçava muito o saque e dificultava a recepção para Mari. Em tempo o Brasil percebeu isso e passou a proteger mais a Mari. Fechamos o set, 2 a 1 pro Brasil.

Quarto set começa e eu começo a rezar para que seja o último, não teria coração para uma disputa de tie break. Tava apertado, o Brasil começa perdendo, consegue empatar, mas não arranca no placar. "Meu Deus, deixa a gente levar este ouro". O Brasil começa crescer e os USA ficam um pouco abalados, erram bastante com saques, aumentando nossa vantagem.

E as meninas brilhavam: Paula que tem Pequeno apenas no nome foi Grande destaque no jogo, com suas bolas diagonais que espalmavam na quadra americana. Mari também com uma frieza díficil de encontrar entre as brasileiras, via um buraquinho no fundo da quadra adversária e bingo! É ponto Mari, mas ela não comemora. Sheila grande atacante, Waleska e Fabiana formavam um belo bloqueio, Fabi defendia muito, Sassá que entrou algumas vezes também fez boa participação, junto com Thaissa que entrou algumas vezes. E a grande experiência de Fofão que fez sua 5ª olimpíada.

E finalmente o set acaba, Brasil 3 a 1, sai campeão.




Parabéns meninas, parabéns Brasil!!! Vitória mais que merecida!!!

Pode comemorar agora Mari. Aliás, hoje é seu aniversário, que presentão hein?

E que venha os USA de novo, os meninos também vão levar o ouro logo mais.

Mudanças de planos!!

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

Olá pessoas lindas!!

Primeiro pára tudo.....

Sou louca mesmo rsrs, mas não posso deixar de comentar como fiquei feliz em ver que a Zizi deixou recado pra mim aqui no meu blog, que honra!!! Foi o que salvou meu dia ontem. Zi, adorei, obrigada mesmo!!!

Voltando as novidades: desmarquei minha entrevista no consulado por alguns motivos.

1º peguei uma gripe forte essa semana, com direito a sinusite, garganta inflamada, só não tive febre graças a Deus!!! Aí pensei que seria ruim ir ao consulado assim, porque minha voz quase não sai, às vezes some mesmo, e lá vou ter que falar com o cônsul por aqueles telefones e separados por um vidro na cabine, igual nos filmes rsrs.
Não quis correr o risco de ir lá assim, e para falar a verdade estou sem disposição. Porque lá é uma demora, fila pra tudo, conferir formulários, colher impressões digitais etc, tudo isso para uma entrevista que não dura nem 5 minutos.

2º algumas pessoas que já foram au pair me disseram que não é muito bom tirar o visto com muita antecedência, pois pode complicar na hora de extender o programa por mais um ano por exemplo, e como eu com certeza quero ficar mais um, vou seguir os conselhos de quem já foi.

3º estou um pouco apreensiva com esta história do visto, se fomos olhar não tenho tantos vínculos assim aqui no Brasil, não estou trabalhando nem estudando, não tenho nada no meu nome e nem declaro IR. Sei que o visto j1 é concedido com mais facilidade, por ser do intercâmbio regulamentado pelo o governo americano, mas mesmo assim estou nervosa. Muitas meninas nas mesmas situações que eu conseguem, espero conseguir também.

Acredito que não vou morrer na praia!!! O mais difícil já consegui, agora é contigo Senhor, vai na frente e abre as portas pra mim. Amém.

Então a nova data esta marcada pra 12 de setembro, exatamente um mês antes do embarque. Tenho tempo suficiente pra treinar as perguntas mais comuns nas entrevistas e orar bastante também.

Torçam por mim, e qualquer hora volto com novidades.

Bjks

Amo ser Ziziana!!!

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Só mais uma coisinha pra fechar meu dia.

Antes de sair de casa de manhã resolvi acessar a net, e como de costume dei uma passadinha no blog da Zizi e fiquei tão feliz, ontem ela postou uma oração linda pra mim em função de eu estar indo embora. Que linda!!! Sou tão fã dessa mulher, não só por ser a dona da voz que eu mais amo ouvir, mas por ser um ser essa pessoa maravilhosa e tão carinhosa com seus fãs.

Zizi, não sei se você vai ler isso, porque se você já visitou meu blog nunca deixou recado né?

Muito obrigada por ser assim acessível pra quem te procura, através do seu blog fiquei mais fã sua, ainda encontrei outros Zizianos, e criei coragem para fazer meu próprio blog, que não é tão popular quanto o seu, mas gosto muito dele. Amo quando você vejo meu nome no seu blog, me sinto importante rsrs

E para outros fãs da Zizi, falando especialmente pra Paulinha que sei que aparece aqui de vez em quando: em breve postarei mais de 1 hora daquela conversa da ZZ lá FNAC. Até que enfim recebi o restante do material do meu amigo que gravou pra mim naquele dia. O arquivo tá tão grande que vou precisar dividir antes de postar. Mas acho que a espera vai valer a pena, e semana que vem quando a poeira assentar vou começar postá-lo aos poucos aqui.

Bjks e boa noite pra todos

Updates

Hi everyone!

Ontem foi um dia muito bom!! Fomos os quatro: eu, Arthur, Thaís e o Wellington pra casa do meu vô Barão. Detalhe: a Thaís namora há 3 anos e ninguém da família do meu pai conhecia o Wellington, já tava na hora né? O churrasco tava maravilhoso, comandado pelo meu primo Aurélio (que alías também faz pizzas deliciosas) e o pude pôr o papo em dia com minhas queridas tias (tia Dê ficou faltando você e o tio Bebeto viu?)

Meu avô quando me viu já foi me chamando de Frederica rsrs. Ele ganhou no último aniversário uma coleção de atlas da National Geographic, e ele já tinha achado Frederick no mapa e deixou a página marcada pra me mostrar. Depois ficou perguntando:

- Você tem mesmo coragem de ir embora?
- Tenho vô.
- O vô não é tão corajoso assim. E como você vai?
- Vou por uma agência que faz intermédio por ambas as partes.
- Mas é uma agência beleza?
- É sim vô.
- Ah então tá bom!!

O que pude perceber é que todos estão felizes por mim, mas também um pouco preocupados, normal que seja assim mesmo. Mas pra tranquilizar todo mundo: saibam que desde quando decidi ser au pair eu pesquisei todas as agências e que mais me passou segurança foi a Cultural Care, por ter escritório próprio aqui no Brasil, ou seja, se algum pepino acontecer a agência responsável por mim lá é a mesma que me recrutou aqui, o que facilita a comunicação e eficiência. Depois tive muitas recomendações de quem foi au pair ou é pela CC e já sei do programa de cabo a rabo rsrs, afinal são três anos de espera.

------------------------------------------------------------------------------------

Hoje tive um dia cheio pra caramba!! Pra piorar estou de novo com rinite atacada, garganta doendo desde quinta. E com esse inverno de 40°C que confunde todo nosso organismo. Não tem nem um mês que fiquei assim e estou de novo, como minha resistência está baixa!! Praticamente fico assim todo mês, queria até tomar a vacina da gripe, mas tenho medo de sofrer reações e aí já viu, vai que isso atrapalha meus planos.

Essa semana vai ser bastante corrida: preciso pagar a taxa do visto, preencher todos os formulários que eu ainda nem fui buscar na agência, modelar minha sombracelha (do jeito que ela tá corro o risco de pensarem que sou iraquiana) tirar fotos 5x5 mostrando as orelhas para o consulado entre muitas outras coisas.

E se Deus quiser minha garganta estará melhor na sexta, estou tomando anti-inflamatório, bebendo muita água e chupando balinhas de hortelã.

Que sexta chegue bem rápido e que tudo dê certo. Não vou sossegar enquanto não tiver certeza do visto. Mas Deus está no controle de tudo, se não fosse por Ele não teria nem chegado aqui.

Inté folks!

bjks

Bye Bye Brasil

sábado, 16 de agosto de 2008

Olá pessoas queridas!

Estou tão esquisita ultimamente, sei lá o que está acontecendo, acho que porque estou indo embora começo olhar as coisas diferentes, até meu bairro tá diferente, caminho e fico olhando e descobrindo coisas que nunca tinha visto.

Me dei conta que não preciso sair do meu país pra poder conhecer coisas e pessoas, é claro que viajando vou conhecer muito mais, mas nem por isso não deixo de aprender aqui, nesse país ainda em desenvolvimento, com tanta injustiça social, descaso pela vida, violência, enfim quem vive no Brasil sabe de todos os males que nos cercam. Mas é o país que conheço também pela a alegria das pessoas, solidariedade, pelas belas paisagens, por todas as pessoas amadas que me cercam.


Brasil é tudo que conheço até agora, é o país que Deus quis que eu nascesse, onde mora meus pais e minha família, onde aprendi a falar, achar meu lugar nesse mundo ainda criança, me integrei na sociedade, estudei, fiz amigos, vivi tudo até agora no Brasil: aprendendo, errando, acertando, celebrando, sofrendo, amando, odiando, compadecendo, estressando. Agora vou ter que usar tudo isso que sou pra viver numa cultura bem diferente da nossa, usando toda minha referência totalmente brasileira e estou realmente ansiosa pra essa aventura. Espero passar o melhor que este país tem pra quem cruzar meu caminho, e quero receber o melhor de lá também, que seja uma boa troca então.


Mudando um pouquinho de assunto: ontem pedi pro meu instrutor para deixar eu fazer o caminho da aula e ele falou que eu podia fazer o caminho que eu quisesse, então lá foi eu pra casa do meu avô Barão, e não foi fácil não mas chegamos sãos e salvos, dei até um oi pro meu vô e pra minha tia e voltamos pra SBC; aí hoje dirigi o carro do meu pai, por um minuto pensei que fosse dar errado, porque estranhei totalmente o carro dele e fiz umas besteirinhas, nada de mais, mas fiquei nervosa porque meu pai se acha meio que um expert dirigindo hehe, mas depois tudo deu certo foi só questão de acostumar com o carro. Andamos bastante e meu pai me deu os parabéns, falou que só preciso de mais domínio para manobrar e estacionar, e isso preciso mesmo. Mas o mais importante que era aprender a andar no trânsito pesado eu já sei, nas próximas aulas vou treinar umas manobras e espero que em outubro esteja bem melhor e não fazer feio com minha hostfamily.

Vou ficando por aqui, tenho que acordar cedo amanhã porque tem churrasco na casa do vô Barão e não vou perder isso por nada.

Ah, só para lembrá-los fiquem na torcida, dia 22 vou tirar meu visto e espero falar a tão almejada frase de qualquer au pair: I GOT MY VISA!!!!!!

Bjks e bom domingo!

God bless ya!!!

AMÉRICA AQUI VOU EU......

quarta-feira, 13 de agosto de 2008

Hello darlings!!

Eu falei que escreveria com mais frequência mas infelizmente não deu.

Mas tenho novidades gente, isso mesmo: já fechei com uma família iiiuupppiiii.

Já gostei da família desde o começo. No sábado dia 3 recebi um email da gerente da EF de Boston dizendo que a família Lynn estava com meu dossiê e que gostaria de me ligar no dia 4. A gerente pediu para eu mandar um email pra família para combinar o horário e eu mandei. Aí no dia seguinte recebi um email muito legal deles, falando um pouco sobre eles, me mandaram fotos, dossiê deles e tudo mais, coisa que nenhuma família tinha feito ainda.

No dia 4 eles me ligaram e senti o tal do "click" que as au pairs tanto falam. Fiquei à vontade conversando com eles, me pareceram o match ideal pra mim e espero que seja mesmo.

Então é isso minha gente, dia 12 de outubro embarco rumo a NYC para um treinamento dado pela a agência e dia 17 chego em Frederick, Maryland onde a minha hostfamily mora. Vou ficar a 50 minutos de Washington-DC e umas 3 horas de NYC.

Vou cuidar de uma menina linda de 2 anos, e ainda terei uma companhia brasileira por um mês, já que a atual au pair da família, que é brasileira, só vai embora em novembro.

Enquanto outubro não chega estou a mil por hora fazendo aulas de direção, já que não tenho meu próprio carro para praticar sou obrigada a pagar por isso. Mas estou amando, porque realmente amo dirigir, é muito bom!!! E lá nos USA terei que dirigir todos os dias.

Agora só falta mesmo o visto, agendado para dia 22 de agosto.

Estou postando algumas fotos de Frederick, por sinal adorei a cidade, pelo menos as fotos são lindas.

Bjks e até mais.






Mãe Natureza

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Olha eu aqui de novo!!!!

Eu recebi esse email muito fofo do meu cunhado Wellington e quis compartilhar com vocês!

Espero que gostem!!

Bjks

"Leia antes de ver as fotos .....
Num zoologico na California , uma fêmea tigre deu a luz á filhotes triplos, coisa rara. Infelizmente, devido as complicacões na gravidez, os filhotes nasceram prematuros e devido ao tamanho deles, eles morreram logo após nascerem. Após se recuperar do parto, a tigre mãe, de repente começou a ficar fraca, apesar de que fisicamente estava bem. Os veterinários deduziram que a perda dos filhotes levou a tigresa a depressao. Os veterinarios dediciram que, se a tigresa pudesse cuidar de filhotes de outra tigresa, ela poderia se recuperar da depressão. Após percorrerem todos os zoologicos do pais, a má notícia de que não existia nenhum filhote de tigre recem nascido para dar a tigresa . Os veterinarios então decidiram tentar algo que nunca tinha sido tentado num zoologico antes. Algumas vezes, uma mãe de uma espécie pode vir a tomar conta de filhotes uma espécie diferente. Os unicos orfãos que eles conseguiram achar, foram uns filhtes de porco. A equipe do zoologico e os veterinarios enrolaram os filhotes de porco em peles de tigre e os colocaram perto da tigresa. Sera que os porquinhos se tornariam filhotes de tigre ou 'costeletas' de porco ?? De uma olhada......você nao vai acreditar !! Agora, me diga .... Porque é que o resto do mundo não pode viver bem????"








Voltei Joyce!!!!

Hello Darlings


Quanto tempo não?


Atendendo a Joyce vim aqui postar um pouquinho, antes que julho acabe rsrs. Não tive muito tempo nem vontade de escrever por esse dias. Desde quando decidi ser au pair minha vida passou a mudar, e olha que vai mudar muito mais a partir do momento que pisar em solo americano. Enquanto isso não acontece estou aqui numa batalha tremenda de "arragements to the trip" e pedindo à Deus força e paciência.

Pelo que vi vou ter mais trabalho agora procurando uma família que trabalhando lá efetivamente. Bom nada vem de mão beijada mesmo mas vou te contar que essa busca é exaustante.

Vou deixar vocês a par da situação, preparem se pra ler porque a estória é grande:

3 familias entraram em contato comigo. A 1ª da Pensilvânia com 3 filhos: bebê de um 1 ano e meio, crianças de 6 e 10 anos, hostmom foi muito simpática mas não sou louca de aceitar cuidar de bebê, carregar 13 kg todos os dias com essa coluna que eu tenho nem a pau. A ligação durou 50 minutos, eles perguntam tudo mesmo.

Aí quando você pensa que vai melhorar piora: 2ª famíla, de Ohio com 2 crianças: 7 meses e 2 anos kkkkkk. A hostmom me ligou e eu não sabia da onde era, ela era um pouco afobada e eu não conseguia acompanhar o que ela dizia. Pra ganhar tempo falei que a ligação estava péssima (celular) e pedi pra retornar no fixo. Corri então pra minha conta extranet da Cultural Care e vi que que a famila era de Ohio. Meu, o que vou fazer em Ohio? Quando a mulher retornou, acho que deixei transparecer que não estava nem um pouco interessada e ela desligou rapidinho. Paciência!!

Eis que 1 da matina do domingo recebi um email dizendo que tinha outro match, corri pra abrir meu extranet e outra decepção: hostmom grávida, mais crianças de 2 e 3 anos. Ô povo que faz filho!!! A única coisa interessante é que eles são de Chicago. Fiquei torcendo pra não ligarem, mas aí eles ligaram no domingo. Até que gostei deles, muito simpáticos, me disseram que já vieram em São Paulo duas vezes e que eu falo bem inglês hehe, mas cuidar de recém-nascido eu cuido do meu, quando eu tiver um.

Então people, mandei um email pra Bruna da central da Cultural Care em São Paulo falando que eles só me mandam grávida e bebês, que eu não tenho experiências com newborn, que não adianta mandar que eu não vou aceitar e que isso só faz perder tempo meu e da famíla também. Obtive uma resposta insignificante e no mesmo dia já colocaram uma famíla de Atlanta no meu extranet. Adivinha o quê? Outra grávida e mais dois filhos. Brincadeira né?

O jeito foi eu ir até o escritório local pra falar direto com minha coordenadora local, a Andréia, que por sinal é um amor de pessoa. Ela já me deixou mais aliviada, falou que se eu não me sinto segura com newborn não tem problema, toda vez que aparecer famíla com esse perfil é só ligar no 0-800 e pedi pra passar adiante. Ela falou que mandaria também um email pra Bruna avisando isso, mas não é garantido que parassem de me mandar porque a burra aqui colocou que tem experiência com menor de 2 anos, e mesmo que não seja com newborn eles mandam este perfil pra mim. Mas vem cá, há uma grande diferença de newborn para um 1 ano e 5 meses, que era a idade da minha prima quando comecei a cuidar dela. Se soubesse não teria colocado que tinha experiência com menor de 2 anos desde o começo. Serve de lição para futuras au pairs que não querem cuidar de newborn, não coloque que você tem experiência com menor de 2 anos!!!!

Acho que agora o pessoal da CC não vai me mandar mais newborn, desde segunda nenhuma família viu meu app, nunca fiquei mais de três dia sem uma famíla vendo meu app. Acho que fazer essa exigência pode atrasar o processo um pouco, mas não importo porque ela é necessária para minha adaptação lá.

That's all folks!!! Assim que tiver novidades posto, prometo que voltarei mais vezes.

Bjks

P.S. recado pra aqueles que lêem e não comenta: comente, eu quero saber de vocês também. Pra comentar é muito fácil, basta logar o mesmo email que você usa pra entrar no orkut ou qualquer conta do google.

Muitas Novidades

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Olá pessoal!!

Não posto há muito tempo, realmente fiquei sem tempo nas últimas semanas. Muita coisa aconteceu mas pode deixar que vou contar tudinho.

Primeiro de tudo finalmente sai do meu emprego, mas o que mais gostei é que saí numa boa, sem traumas rsrsrs, é horrível sair de um lugar de mal estar. Mesmo não concordando com estilo de trabalho continuei sendo amigável com todos, afinal não estou a fim de brigar mais, com ninguém!!!! Sai numa boa, recebi o que devia e está tudo bem graças a Deus.

Agora a grande novidade, que muitos já sabem e outros ainda não, é que finalmente serei uma au pair. Bom, se você não sabe o que é um au pair então vou explicar: é o programa de intercâmbio para ficar na casa de uma família americana cuidando das crianças, recebendo um salário e uma bolsa estudantil. É algo que estou pesquisando há três anos, a primeira vez que fiz uma visita numa agência para au pairs foi dia 5 de agosto de 2005 e depois disso passei a buscar os requisitos para o programa que são:


  • ter entre 18 a 26 anos;

  • ter carteira de motorista;

  • inglês intermediário;

  • ter 2º grau completo;

  • 200 horas de experiências com crianças;

  • ser solteira e sem filhos;

  • sem antecedentes criminais;

  • possuir boa saúde para ficar uma ano fora.

Eu tinha quase 19 anos, solteira, sem filhos, boa saúde, sem antecedentes e estava aprendendo a dirigir na época. Ainda faltava deslanchar no inglês e conseguir as 200 horas de experiência com crianças. Tinha acabado de me formar em Nutrição e não conseguia emprego na área, meu pai já estava bancando a carteira de motorista, a única saída foi estudar inglês por conta própria mesmo.

Estudava de 5 a 7 horas por dia, e pra minha surpresa vi que isso era algo que adorava: aprender uma nova língua. Fiquei desempregada por mais de um ano, mas não foi um ano totalmente desperdiçado porque dediquei muito do meu tempo para estudar inglês e aos poucos percebia que melhorava, conseguia ler bem, depois percebi que entendia também, passei a ver filmes sem legendas e buscar videos na internet e a ouvir muito em inglês. Uma coisa era certa, eu entendia muito bem inglês, mas para falar não tinha segurança porque não tinha ninguém para praticar comigo.

Continuei sem emprego, foi quando tive a idéia de ser babá. Uniria o útil ao agradável: arranjaria um emprego e já estaria ganhando minhas horas de experiências com crianças. Fiz o curso na Unire, uma agência de trabalho muito conceituada achado pelo meu tio Anderson.

Então consegui o emprego, trabalhei como babá e consegui a experiência com crianças. Nesse meio tempo fiz umas aulas de inglês, por 4 meses apenas, mas me ajudaram a descobrir que eu já conseguia falar em inglês, só tinha vergonha. Depois que perdi não parei mais de falar...

Bom gente é isso, ser au pai é um grande sonho que em breve realizarei e fico feliz de compartilhar com vocês. Eu estou indo pela a Cultural Care Au Pair, da agência EF. Entreguei meu dossiê dia 11 e ele já está em Boston agora. Só me resta orar bastante para eu encontrar uma família bem bacana.

No começo da semana recebi um email dizendo que meu dossiê já estava com uma família, mas olhei o perfil deles e não me animei, além do mais eles querem alguém para embarcar dia 1º de agosto, o que é impossivel para mim. Fiquei torcendo para que eles nem entrassem em contato comigo e já rejeitassem meu perfil e foi o que aconteceu, agora quando entrei na minha conta no site da agência deu pra ver que meu dossiê já não está com eles, está com família nenhuma na verdade. Mas não tem problema, pressa é inimiga da perfeição. Não quero fazer as coisas correndo porque quero ter certeza que vou ficar numa família com pessoas simpáticas, afinal não dá para ficar 1 ano com pessoas chatas né?

Um beijão em todos!!!!

Plena quarta-feira e que cansaço!!!!!

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Olá people!!

Falta uma semana pra eu sair do meu emprego, que alívio!!!
Enquanto isso, aproveitando que ainda tenho convênio médico, eu estou fazendo uma bateria de consultas e exames.

Hoje fiz dois exames bem desconfortáveis, mas fazer o que né, cuidar da saúde é preciso; ainda falta mais dois exames pra semana que vem, depois pegar todos os os resultados e voltar no médico pra ver se está tudo bem, espero que esteja.

Também fiz uma limpeza de pele antes de ir para os exames, já estava precisando mesmo. E agora chegando em casa quase fui atropelada por uma bicicleta, que raiva que me deu!! Além de ficarmos atentos como os motoristas, temos que tomar cuidado com os ciclistas também, principalmente porque eles andam na contramão, já que não tem multa nem penalidade pra eles. Então quando você menos espera dá de cara com um deles, como foi no meu caso porque olhava os carros que vinham numa direção e o idiota que vinha em outra apareceu bem quando fui atravessar! Paciência, pelo ao menos ele freiou antes rsrsrs e foi só um susto!!

Nem parece que descansei este final de semana. Também toda folga minha tenho um compromisso que nem descanso mesmo, estou numa correria imensa atrás de uns documentos para uma coisa que quero fazer, se der certo conto pra vocês o que é.
Graças a Deus quarta é meu último dia lá no hotel e depois disso terei mais clareza para planejar o que realmente quero fazer.

Vou ficando por aqui!!!

Bjinhos!!!

Feliz Aniversário Meryl !!!!

domingo, 22 de junho de 2008

Todos que me conhecem de perto sabem que sou fã da atriz americana Meryl Streep há quase cinco anos. Bom hoje a Meryl está completando 59 anos e eu não poderia deixar de prestar uma homenagem pra ela. Tentarei fazer o mais resumido possível.


Meryl Streep nasceu como Mary Louise Streep dia 22 de junho de 1949 em Summit, New Jersey. Começou a atuar ainda no colégio quando participava do teatro estudantil. Estudou drama primeiro em Vassar e ao se graduar lá ganhou uma bolsa para estudar em Yale. Ao se formar em Yale em 1975, Meryl se mudou pra Nova Iorque e participou de várias peças, chamando atenção do público e dos críticos, sendo indicada para prêmios como Tony Awards, The Teather World Award e Outer Critics Circle Award.

Nas telas Meryl fez sua estréia em 1977 com um pequeno papel no filme "Julia" contracenando com Jane Fonda. Logo depois em 1978 fez "O Franco Atirador" e teve sua 1ª indicação ao Oscar (1ª de muitas) como melhor atriz codjuvante. Em 1979 "Kramer vs Kramer" foi um sucesso de público e crítica. Meryl atuou no filme ao lado de Dustin Hoffman e os dois ganharam o Oscar de melhor atriz codjuvante e melhor ator respectivamente, o filme ainda levou Oscar de melhor diretor, melhor roteiro adaptado e melhor filme.

Em 1982 foi o ano que a Meryl provou que era uma atriz muito mais versátil do que qualquer pessoa imaginava. Na minha opinião, ao dar vida à Sofia em "A Escolha de Sofia", Meryl mostrou ao mundo pela primeira vez suas diferentes facetas, pois Sofia era um papel muito minucioso que só alguém com muito domínio de seu próprio talento poderia ter feito, e esse alguém foi Meryl. O papel foi trabalhoso porque para retratar uma polonesa ex-refugiada de um campo de concentração foi preciso ter aulas de alemão, polonês, emagrecer bastante entre outra coisas. Mas tudo compensou pois no ano seguinte o filme foi um sucesso e Meryl ganhou o Oscar como melhor atriz por este papel.

Ao longo de mais de 31 anos de carreira, Meryl fez mais de 40 filmes e hoje é a atriz que mais foi indicada ao Oscar, num total de 14 vezes, sendo a última pelo seu papel em "O Diabo veste Prada". É uma das atrizes mais respeitadas do meio e tem a fama de não se portar como estrela, ser uma pessoa muito simples e generosa com os colegas de trabalho. É casada com escultor Don Gummer há 29 anos e tem quatro filhos: Henry 28, Mamie 24, Grace 21 e Louisa 16.



Eu me tornei fã dela depois que eu a vi em "As Pontes de Madison", amei o filme e no dia seguinte tava pesquisando tudo sobre ela e passei a comprar seus filmes, e a tietagem continua até hoje, acho que nunca vou parar!!

Happy Birthday Meryl !!! I hope to see you soon !!! hehehe
Bjks pessoal!!
até mais!!